Home > Pós-graduação > Pedagogia > Odivelas > Pós-Graduação em Supervisão Pedagógica e Formação de Formadores - Odivelas - Lisboa

Pós-Graduação em Supervisão Pedagógica e Formação de Formadores

Solicite informação sem compromisso ISCE - Instituto Superior de Ciências Educativas - Odivelas

Para enviar a solicitaçao, você deve aceitar a Política de Privacidade

Comentários sobre Pós-Graduação em Supervisão Pedagógica e Formação de Formadores - Presencial - Odivelas - Lisboa

  • Objectivos
    Aperfeiçoar o domínio de estratégias ao desenvolvimento de uma atitude profissional reflexiva.
    Desenvolver uma consciência analítico-crítica com vista ao reforço das capacidades de avaliação das dinâmicas organizacionais, das práticas educativas e do funcionamento dos contextos de ensino-aprendizagem.
    Domínio dos fundamentos sociológicos, pedagógicos e psicológicos da acção educativa global e da acção docente, em particular.
    Capacitar para uma participar activa na planificação e desenvolvimento curricular e pedagógico.
    Domínio dos fundamentos científicos e pedagógicos da actividade de supervisão e formação de formadores.
    Exercitar a concepção, a aplicação, a gestão e a avaliação de programas de formação contínua, reforçando e actualizando conhecimentos inerentes.
    Planear e gerir projectos de formação harmonizando motivações individuais e organizacionais.
    Desenvolver competências para a orientação e supervisão da formação inicial.
    Desenvolver competências de assessoria à construção de programas e acções de formação, à observância dos seus processos ou à avaliação dos seus produtos.
    Aperfeiçoar competências de comunicação e relacionamento interpessoal com vista ao aconselhamento e apoio à inserção e construção pessoal do estudante em formação inicial e ao professor em início de carreira.
    Exercitar competências no domínio do desenvolvimento de processos e construção de instrumentos de pesquisa educacional.
    Estreitar o convívio necessário entre professor e novas tecnologias de informação e comunicação.
  • Dirigido a
    Educadores e Professores dos 1º, 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico e Professores do Ensino Secundário, profissionalizados e com, pelo menos, 5 anos de serviço docente.
  • Titulação
    Especialista em Supervisão Pedagógica e Formação de Formadores
  • Conteúdo
    Fundamentação: 

    O Curso de Especialização/Pós-Graduação em Supervisão Pedagógica e Formação de Formadores fundamenta-se em evidências e pressupostos que, de  seguida, se explanam.

    Assiste-se a uma crise de confiança nos profissionais de educação recém-formados, malgrado os avanços científicos e tecnológicos – ou, também, por causa deles, como realça Alarcão (1996). A representação geral, confirmada muitas vezes pelo professor em início de carreira, é  que a formação recebida nas instituições de formação inicial não prepara os profissionais  para responder adequada e eficazmente aos problemas reais com que se deparam no quotidiano das escolas e das salas de aula. Por outro lado, a investigação educativa constrói e actualiza conhecimentos e, consequentemente, pressupõe o reforço da formação dos docentes que se encontram no activo.

    Do mesmo modo, fruto de mudanças macro e microssociais, a escola obriga-se, nas últimas duas décadas, a rever as suas finalidades. Em consequência da emergência destas novas funções espera-se o redimensionamento e a revitalização dos papéis esperados do professor e dos outros actores que povoam as escolas. Uma aposta na formação contínua e numa formação especializada, de molde ao reforço de competências e à qualificação dos docentes para o exercício de determinadas funções específicas torna-se, pois, desejável e imprescindível. 

    Reconhece-se a importância que tem sido atribuída à competitividade e mecanismos de coesão, como fontes de transformação e progresso, pela política governativa nacional. Reconhece-se, ainda, que tal não se conquista sem apostas sérias na qualificação profissional e numa economia baseada no conhecimento. Tais expectativas, cremos, só se conquistam com uma cultura de exigência de qualidade, de aprendizagem permanente, de incremento da participação e da criatividade. 

    Nesta contextualização, e como Nóvoa (1992) previa, os processos de mudança e de inovação educacional fazem-se através da compreensão das instituições escolares em toda a sua complexidade técnica, científica e humano. Ou seja, ainda que se respeitem as suas particularidades, a escola é abordada como organização, o que a obriga, inevitavelmente, a (re)pensar o trabalho do professor sob parâmetros económicas e empresariais e a avaliar o seu desempenho sob critérios de eficácia.

    Depois da construção de um conjunto lato de reformas, nas décadas de 80 e 90, que conduziram à construção das escolas como espaços de autonomia curricular, actualmente, assiste-se nas escolas ao desenvolvimento de meios para o desenvolvimento da autonomia profissional dos professores. O professor deve estar consciente das responsabilidades que, como profissional, assume perante a organização, a comunidade e a sociedade global.

    A presença deste novo paradigma, cada vez com mais características emancipatórias, exige profissionais cada vez mais conscientes das suas funções e dotados de conhecimentos e capacidades na edificação simultânea de objectivos pessoais e metas colectivos. Cremos que a aposta na formação é sempre uma via privilegiada ao alcance de tais objectivos.

    O programa do Curso de Especialização/Pós-Graduação em Supervisão Pedagógica e Formação de Formadores é concebido tendo em conta necessidades de formação percebidas num público-alvo constituído por professores que são solicitados, ou podem vir a ser solicitados, a cumprir funções de orientação e supervisão da formação inicial e contínua de professores.

    Como finalidade principal, o Curso visa proporcionar aos formandos o aprofundamento, actualização e reflexão de conhecimentos específicos no âmbito da formação e supervisão de professores e a capacitação no uso de estratégias e instrumentos inerentes ao exercício das funções em questão. Consequentemente, visa-se o desenvolvimento das seguintes competências:




    - competências de análise crítica da organização escolar e curricular, dos dispositivos e práticas de formação, da acção educativa e acção docente;

    - competências de intervenção e consultadoria na idealização, planificação, execução e avaliação de  programas e acções de formação, complementadas por um domínio instrumental de técnicas de apoio e de aconselhamento com vista à gestão de motivações de formação e à promoção de climas relacionais propícios à participação e à reflexão, em suma, à construção de competências facilitadoras do apoio ao desenvolvimento profissional de outrem.

    O Programa desenvolve-se através de um conjunto de oito módulos, correspondentes a unidades curriculares que se enquadram nas Ciências da Educação (Metodologia de Investigação em educação e Comunicação, Educação e Dinâmica de Grupos) e a domínios temáticos pertencentes à área de especialização em Supervisão Pedagógica e Formação de Formadores (Supervisão e Avaliação Pedagógica, Modelos Educacionais e Desenvolvimento Curricular; Introdução à Educação Especial; Administração e Gestão Escolar Intermédia; Organização e Gestão de Projectos Pedagógicos e Tecnologias Educativas). Finalmente, o projecto de investigação, cujos objectivos se suportam no desenvolvimento de competências a uma intervenção planeada, com vista à mudança das práticas e à construção de saberes, objectiva o desenvolvimento de competências que subjazem à construção de projectos de investigação educativa, nomeadamente competências de diagnóstico, planificação, execução e avaliação.

Outro curso relacionado com Pedagogia

Utilizamos cookies para melhorar nossos serviços. Se continuar navegando, consideramos que aceita o seu uso. Ver mais  |