Home > Licenciatura > Estudos Interdisciplinares > Braga-Braga > Licenciatura em Estudos Culturais - Braga-Braga - Braga

Licenciatura em Estudos Culturais

Solicite informação sem compromisso UM - Universidade do Minho

Para enviar a solicitaçao, você deve aceitar a Política de Privacidade

Comentários sobre Licenciatura em Estudos Culturais - Presencial - Braga-Braga - Braga

  • Objectivos
    Estatística Aplicada

    Um dos principais objectivos da Licenciatura em Estatística Aplicada é formar profissionais que dominem técnicas variadas da Estatística. Estes terão capacidades de comunicação e de trabalho em grupo, permitindo a sua integração em equipas multidisciplinares para o apoio à tomada de decisões em organizações de grande dimensão. Estas organizações podem ser hospitais e laboratórios farmacêuticos, consultoras, bancos e seguradoras, órgãos de comunicação social, entidades governamentais e autarquias, universidades, indústria.
  • Titulação
    Licenciatura em Estudos Culturais
  • Conteúdo
    A licenciatura possui uma forte componente de modelação e resolução de problemas em áreas tão diversas como a Medicina, a Biologia, a Física, as Engenharias, a Economia e as Finanças. O estágio, ou projecto, realizado no último semestre, confere também a esta licenciatura um carácter fortemente profissionalizante. São assim criadas as condições ao aluno para uma fácil integração no mercado de trabalho. O contexto em que se irão inserir os novos licenciados é o de um mundo cada vez mais organizado e competitivo, pelo que os novos licenciados em Estatística Aplicada desempenharão um papel fundamental, uma vez que a necessidade de resolução de tarefas com fundamentos científicos é imprescindível para garantir o desenvolvimento de Portugal. O que fazer com uma Licenciatura em Estatística Aplicada? Aqui estão alguns exemplos em que um estatístico pode contribuir positivamente para o seu bem-estar: Ambiente: Estudos ambientais requerem dados sobre o número de determinadas espécies de plantas ou animais, os níveis de poluição em certas regiões, bem como quais os possíveis efeitos no aquecimento global se houver uma mudança de comportamento em todos nós. Os dados obtidos são geralmente incompletos e difíceis de analisar, mas um estatístico pode ajudar a ultrapassar estas dificuldades. Estudos de Mercado: Será que existem gostos específicos por certos tipos de programas de televisão? Qual o local ideal para a construção de um novo Shopping? Estudos de mercado tomam em consideração indicadores governamentais e estudos de amostragem conduzidos por estatísticos. Medicina: A investigação de novos tratamentos para certas doenças é realizada com base em experiências cuidadas e complexas. Um estatístico trabalha com equipas médicas no planeamento destas experiências e na interpretação dos dados por ela produzidos. Indústria: O futuro de muitas indústrias e dos seus empregados depende fortemente na melhoria dos produtos produzidos e na eficiência de como estes produtos são feitos e distribuídos no mercado. Estas melhorias devem ser feitas com base em dados reais e não fruto de adivinhações. Cada vez mais as empresas estão a recolher dados para fundamentar as suas decisões, com um objectivo de melhorar os serviços prestados aos seus clientes. Um estatístico tem um papel fundamental em todo este processo. Órgãos Governamentais: Quantas pessoas desempregadas existem por mês? Quais os produtos essenciais que exportamos e importamos? Quais as cidades com maior poder económico? Estas são apenas algumas questões importantes que os nossos governadores gostariam de saber para proporem diversas medidas políticas e que um estatístico pode dar resposta a partir de metodologias de amostragem. 

Outro curso relacionado com Estudos Interdisciplinares

Utilizamos cookies para melhorar nossos serviços. Se continuar navegando, consideramos que aceita o seu uso. Ver mais  |