Home > Pós-graduação > Educação Media / Educativa > Lisboa - Cidade > Pós-Gradução em Gestão Educacional e Animação Cultural de Instituições Comunitárias e Sociais [FCSEA] - Lisboa - Cidade - Lisboa

Pós-Gradução em Gestão Educacional e Animação Cultural de Instituições Comunitárias e Sociais [FCSEA]

Solicite informação sem compromisso Universidade Lusófona

Para enviar a solicitaçao, você deve aceitar a Política de Privacidade

Comentários sobre Pós-Gradução em Gestão Educacional e Animação Cultural de Instituições Comunitárias e Sociais [FCSEA] - Presencial - Lisboa - Cidade - Lisboa

  • Objectivos
    - Dotar os formandos com competências gerais de Liderança, Organização e Desenvolvimento comunitário e associativo;



    - Promover os interesses e motivações dos idosos com atividades diversas nos vários âmbitos da animação (expressões, artística/lúdica, plástica, físico motora, cultural, cognitiva, social);



    - Saber promover ações pontuais educativas de caráter intergeracional na comunidade e no seio de equipas multidisciplinares;



    - Fomentar a generatividade, estimulando no idoso a capacidade de participar em atividades institucionais e na comunidade, o que implica o seu desenvolvimento pessoal e social.
  • Dirigido a
    - Formar profissionais que desejam criar, gerir ou exercer em instituições:



    - Lares e Casas de Repouso,



    - Centros de Dia,



    - IPSS¿s



    - Instituições de caráter associativo: clubes e associações recreativas



    - Apoio domiciliário



    - Requalificar profissionais que já prestem um serviço comunitário e social em instituições



    - Formar pessoas motivadas para esta área (Voluntariado, aposentados,¿)
  • Conteúdo
    Pós-Gradução em Gestão Educacional e Animação Cultural de Instituições Comunitárias e Sociais - Intergeracionalidade e Envelhecimento Ativo

    As mudanças sociais e económicas têm transformado as relações familiares e sociais e, hoje em dia, muitas das funções que anteriormente eram desempenhadas pela família, como o cuidar os idosos, é atualmente uma função que cabe ao Estado ou ao setor privado. Este fenómeno social provocou o aumento do número de instituições de acolhimento (valências, equipamentos) (Cardão, 2009). Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a esperança de vida mundial era, em 2000, de 66 anos de idade, passando em 2015 para 73 anos. Em Portugal, o número de idosos e jovens traduziu-se, em 2010, num índice de envelhecimento de 118 idosos por cada 100 jovens, enquanto o índice de dependência (cuidados continuados) apresentava uma taxa de 26,3%, muito elevada na EU. Estima-se que existam 27,0 pessoas com mais de 65 anos por cada 100 pessoas em idade ativa e 118,9 idosos por cada 100 jovens (INE, PORDATA- (C) FFMS). Entre 2020 a 2025 o número de idosos pode atingir cerca dos 18% da população, enquanto a população jovem rondará os 16%. A esperança de vida aos 65 anos é hoje de 81 anos para os homens e de 84 anos para as mulheres.

Outro curso relacionado com Educação Media / Educativa

Utilizamos cookies para melhorar nossos serviços. Se continuar navegando, consideramos que aceita o seu uso. Ver mais  |